Páginas

RSS

Uma novata e um detetive

Monny Filed Under: Marcadores:

Olá leitores!Eu sou a Monny, nova contribuinte do Seize it.

Fui convidada a escrever sobre cinema, TV... Essas coisas. E bem, espero que vocês gostem. Qualquer crítica, sugestão, proposta de emprego, cobrança de dívidas é só deixar um recado no post.

Agora, vamos aos trabalhos!

Meu primeiro post será sobre o filme que estreiou ontem, dia 8, nos cinemas: Sherlock Holmes

Eu sou uma admiradora do grande detetive há quase dois anos. Li quase todos os contos e romances a respeito dele, comprei uma lupa (sabem, aquelas lentes de aumento de detetive?), tento fazer deduções tal como o mestre, enfim, sou fã de verdade.

Eu acho que todo fã fica com certo medo quando descobrem que aquele livro, aquela história que eles tanto adoram vai virar filme.

Todo mundo já sabe que as adaptações Hollywoodianas não ficam parecidas com os originais. Elas cortam cenas, personagens, modificam as personalidades, enfim, fazem uma verdadeira baderna. Temos vários exemplos disso: os filmes da franquia Harry Potter, O Código Da Vinci...

Então, ano passado, quando eu fiquei sabendo que estavam filmando Sherlock Holmes, eu disse pra mim mesma que não iria assistir, porque eu já sabia que o Holmes que eu veria lá na telona não iria se parecer com o que eu vejo na minha mente sempre que eu leio “O Cão dos Baskervile” ou “Um Escândalo na Boêmia”.

Mas, depois eu deixei minhas idéias e convicções um pouco de lado e pensei de um modo mais crítico.

Se você já leu alguma história desse detetive, deve ter alguma idéia de como é a personalidade dele: introspectivo, incrivelmente inteligente, “a mais perfeita máquina de raciocínio e observação que o mundo havia conhecido” como disse certa vez o fiel amigo e biógrafo de Holmes, o Dr. Watson.

Holmes é um homem da razão.Não tem medo de ir ao confronto direto é verdade, mas quando é possível resolver as coisas sentado na sua poltrona é lá mesmo que ele permanece.

Muitos contos não são extraordinários, com tramas complicadas e crimes hediondos.O que realmente interessa neles são as surpreendentes deduções que Holmes é capaz de fazer sem dificuldades.Uma das minhas deduções prediletas vem do romance “Um Estudo em Vermelho”.

O Dr. Watson é recém-chegado em Londres. Antes, ele serviu no Afeganistão, como médico do exército. Quando ele conhece Holmes, a primeira coisa que este lhe fala é “Prazer em conhecê-lo. Vejo que andou pelo Afeganistão.” Ora, como ele poderia saber disso?Eles acabavam de se conhecer!Mais tarde, Holmes explica como chegou a essa conclusão:

“(...) O fio do enredo que meu raciocínio seguiu foi mais ou menos este: eis aqui um cavalheiro com ar de médico, mas ao mesmo tempo com gestos de militar. Parece naturalmente um médico do Exército. Ele acaba de chegar dos trópicos, porque seu rosto está queimado de sol e essa não é a cor natural da sua pele, visto que seus punhos são bem mais claros. Ele sofreu privações e enfermidades, conforme o demonstra o seu rosto exausto. Além do mais, recebeu um ferimento no braço esquerdo, razão pela qual o mantém numa posição rígida e pouco natural. Em que lugar dos trópicos um médico do Exército inglês poderia ter passado por tantas dificuldades e ser ferido no braço? No Afeganistão, evidentemente.”

Bom, depois de me lembrar de tudo isso, eu reparei que se Hollywood resolvesse fazer uma obra rigorosamente parecida com os contos originais, o filme se pareceria talvez com um episódio de CSI, que cá entre nós, não tem muita pancadaria, explosões, ação, gente se pegando, enfim, aqueles elementos básicos que fazem as pessoas irem ao cinema. Resumindo: agradaria os sherlockianos, mas não traria muito lucro. E vocês sabem que lucro é tudo no mundo capitalista.

Enfim, resolvi docemente me conformar. Vou continuar sendo fã do incrível investigador e vou assistir ao filme sem ter quatro pedras na mão.Afinal, a coerência não consegue concorrer com o dinheiro.E eu estou realmente curiosa pra saber o que aprontaram dessa vez na sétima arte.


edit post

0 Responses to "Uma novata e um detetive"

Postar um comentário

Mensagens de conteúdo ofensivo serão apagadas.